A DIMENSÃO HUMANA DO HERÓI NA GUERRA DO PARAGUAI (1864-1870)

  • Gustavo Ribeiro Capibaribe Universidade Católica Dom Bosco http://orcid.org/0000-0003-2649-8014
  • Luiz Jeha Pecci de Oliveira Universidade Católica Dom Bosco
  • Wilson Cardoso de Sá Universidade Católica Dom Bosco
  • Heitor Romero Marques Universidade Católica Dom Bosco
Palavras-chave: Herói; heroísmo; circunstâncias; Guerra do Paraguai; dimensão humana.

Resumo

O presente trabalho tem o objetivo de analisar um novo conceito sobre o herói e o heroísmo, inserindo-o na análise da Guerra do Paraguai (1864-1870), pontuando a dimensão humana da figura sobre a qual se aplica esse conceito. Valendo-se de bibliografia diversa, estabelecer-se-á a definição de “herói” como sendo o indivíduo que, impelido pela virtude na busca e defesa de um sentido para sua vida, sacrifica-se sob um ideal de serviço ao próximo, reabsorvendo e transcendendo as suas circunstâncias. Então, será trazido o contexto da Guerra do Paraguai, mostrando-a como um importante conflito sul-americano, de modo a compreendê-la também como um grande berço de indivíduos com características heroicas. Por fim, será feita uma análise sobre a dimensão humana da figura construída, e como ela se insere no contexto bélico do conflito narrado. O artigo conclui que os heróis na Guerra do Paraguai foram pessoas comuns que, diante de grande sofrimento, apresentaram um comportamento acima da média esperada para a sociedade, realizando atos extraordinários, de modo que se identifica o heróismo na pessoa capaz de apresentar à coletividade a esperança e o amor desejados em caso de situações adversas, como nesse exemplo histórico. Quanto à metodologia, este artigo se valeu do método hipotético-dedutivo do procedimento histórico.

 

Publicado
2021-12-20