PROJETO DE UM SISTEMA DE TRATAMENTO DE ESGOTO PARA CANTEIRO DE OBRAS: UM ESTUDO DE CASO

  • Fabiano Battemarco MARTINS Unigama
Palavras-chave: Canteiro de Obras, Dimensionamento, Fossa Séptica, Esgotamento Sanitário

Resumo

O estudo apresentado tem o objetivo avaliar o sistema de esgotamento sanitário do canteiro de obras objeto deste estudo de caso, utilizado como canteiro de apoio as obras de duplicação da BR-493/RJ – Acesso ao Porto de Itaguaí, com período de utilização de 18 meses. Foi realizado revisão da literatura técnica e da legislação ambiental, verificando se as condições exigíveis em diretrizes e normas foram atendidas quando da elaboração do projeto de implantação do canteiro. O estudo apresentará o dispositivo Fossa Séptica executado quando da implantação do canteiro de obras e será levantado através dos relatórios mensais de supervisão a população contribuinte mês a mês afim de projetar um sistema de esgotamento sanitário de maior eficiência adequando a demanda da obra, garantindo a qualidade do efluente. O canteiro de obras será detalhadamente apresentado, bem como suas dependências e ocupação, determinante para o melhor dimensionamento do sistema de esgotamento sanitário e um novo sistema projetado afim de que atender toda a legislação ambiental vigente.

Biografia do Autor

Fabiano Battemarco MARTINS, Unigama

Mestre em Engenharia Agrícola e Ambiental pela Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro (UFRRJ, 2020), especialização em Engenharia Elétrica com ênfase em Instalações Elétricas pela União Brasileira de Faculdades (UniBF, 2020), especialização em Engenharia de Avaliações e Perícias pela União Brasileira de Faculdades (UniBF, 2020), MBA em Gestão de Negócios Imobiliários pela União Brasileira de Faculdades (UniBF, 2020), especialização em Saneamento pela Faculdade Futura (FF, 2020), especialização em Psicopedagogia Clínica e Institucional pela Faculdade Futura (FF, 2020), especialização em Auditoria e Perícia Ambiental pela Faculdade Dom Alberto (FDA, 2020), especialização em Avaliação Educacional pela Faculdade Dom Alberto (FDA, 2020), especialização em Engenharia de Segurança do Trabalho pela Faculdade Venda Nova do Imigrante (FAVENI, 2020), especialização em Gestão Escolar (Administração, Supervisão, Orientação e Inspeção) pela Faculdade Venda Nova do Imigrante (FAVENI, 2020), especialização em Docência e Gestão na Educação a Distância pela Faculdade Venda Nova do Imigrante (FAVENI, 2020), MBA em Gestão Empresarial pela Faculdade de Educação do Piaui (FAERPI, 2017), especialização em Administração e Supervisão Escolar pela Universidade Cândido Mendes (UCAM, 2011), graduado em Engenharia Ambiental e Sanitária pelo Centro Universitário Celso Lisboa (UCL, 2017), graduado em Engenharia Civil pelo Centro Universitário Augusto Motta (UNISUAM, 2016), licenciado em Física pela Faculdade de Educação do Piaui (FAERPI, 2015) e licenciado em Matemática pela Universidade Estácio de Sá (UNESA, 2007). Atualmente é professor da Universidade Santa Úrsula (USU), professor do Centro Universitário Gama e Souza (UNIGAMA), coordenador do curso de Engenharia Ambiental e Sanitária do Centro Universitário Gama e Souza (UNIGAMA), coordenador do curso de Pós-graduação em Docência do Ensino Superior do Centro Universitário Gama e Souza (UNIGAMA) e Perito Judicial do Tribunal de Justiça do Estado do Rio de Janeiro. Tem experiência como editor e revisor de Revista Científica.

Publicado
2021-06-03
Seção
Engenharias