APLICABILIDADE DA TECNOLOGIA ASSISTIVA NA EDUCAÇÃO INCLUSIVA

  • Adriana Lourenço de Sá UEMG
  • Elisângela Freitas da Silva
  • Marília Costa Machado
Palavras-chave: Tecnologia Assistiva; APAE; Educação Especial.

Resumo

A Tecnologia Assistiva é uma área do conhecimento, de característica interdisciplinar, que engloba produtos, recursos, metodologias, estratégias, práticas e serviços que objetivam promover a funcionalidade, relacionada à atividade e participação de pessoas com deficiência, incapacidades ou mobilidade reduzida, visando sua autonomia, independência, qualidade de vida e inclusão social. Segundo censo do IBGE de 2010 há cerca de 45 milhões de brasileiros com algum tipo de deficiência (física, auditiva, visual, intelectual ou múltipla) – quase 24% da população, isso causa preocupações fazendo com que estratégias e meios sejam criados para dar apoio às famílias e também atender as necessidades destes indivíduos com deficiência. A educação especial é uma forma de incluir crianças com alguma deficiência nas escolas ditas “normais”. Assim, a Tecnologia Assistiva vem sendo uma alternativa para suprir carências na educação especial. A Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (APAE) é uma associação, que além de pais e amigos dos excepcionais une toda a comunidade para prevenir e tratar a deficiência e promover o bem-estar e desenvolvimento da pessoa com deficiência. Este estudo baseia-se em livros e artigos, com objetivo de mostrar como a Tecnologia Assistiva auxilia na aprendizagem de alunos portadores de deficiência. Foi aplicado um questionário para os profissionais da E. E. Walton Batalha Lima (APAE), no município de Carangola - MG, onde constatamos que eles utilizam as tecnologias no processo de ensino/aprendizagem dos alunos, porém são necessários mais investimentos governamentais nessa área, de forma a melhorar a qualidade de ensino desses alunos.

Publicado
2020-06-09
Seção
Interdisciplinares